Expectativa

Finalmente a temporada para os cabeças de queijo começou. A primeira semana da pré-temporada chegou com vitória do Packers. Já podemos ver alguns destaques, algumas falhas que ainda perduram e um problema sério que rodeia Green Bay: As lesões. Tivemos algumas nessa primeira semana, nenhum realmente grave até aqui, mas que nos deixou um pouco assustados, com destaque na entrada criminosa do defensor do Eagles em cima do nosso WR Malachi Dupre, que passa bem, por sorte.

Ataque

No setor de destaque, podemos ver três quarterbacks sendo produtivos e fazendo a oval rodar com uma bela sintonia com nosso grupo de recebedores. Este que empolgou com as aparições de Max McCaffrey (60yds) e DeAngelo Yancey (67yds), além de um belíssimo retorno de punt de Trevor Davis, que resultou em um TD de 68yds, cruzando o campo com muita velocidade.

Se nosso jogo aéreo teve bons momentos, o jogo terrestre preocupou um pouco. Ty Montgomery terminou com 0yds conquistadas, em 3 tentativas, onde conseguiu 5yds em uma tentativa e Tackle For Loss nas outras duas oportunidades. Jamaal Willians foi o melhor entre os running backs, contabilizando 14yds em 4 tentativas (3,5yds/Att). Nossas melhores corridas saíram de nossos quarterbacks, com Joe Calahan, (11yds) em uma tentativa, Brett Hundley, (4yds) em uma tentativa e Taysom Hill, (14yds) em duas tentativas. Esse último que por sua vez, teve o melhor desempenho da noite. Com 69yds passadas em 4 passes, 1 TD, 80% de eficiência nos passes e um Rating de perfeito de 158.3, Taysom Hill foi o destaque da noite na posição.

Em uma opinião mais crítica, a linha ofensiva em Green Bay é a parte que mais preocupa, onde passa por reformulação, o setor passou trabalho contra técnicas de bull rush e moves internos da DL. O Setor liderado agora por David Bakhtiari, terá bastante trabalho pra entrar em sintonia até o começo da temporada. Corey Linsley, nosso Center, foi bem, poderia ter ido melhor, mas já mostrou evolução em seu trabalho de pés. Kofi Amichia, escolha de 6° round, mostrou ter potencial. Com um baita trabalho de pernas, uma técnica de mão okay, deixou a desejar no físico. É um excelente jogador pro futuro, em um ano de reformulação, é uma excelente aposta para as próximas temporadas, mas não esperem muito dele para esta temporada. Lane Taylor ainda vem em uma crescente. Tem tido trabalho contra moves internos dos DLs, mas tem se mantido bem. Se machucou no decorrer da partida, mas nada de grave. Don Barclay se precisar jogar esse ano, oremos. O jogador parece ter um sério problema de concentração e acaba sendo displicente a ponto de se perder totalmente na jogada. Vamos esperar a temporada e torcer por uma melhora do jogador. Em geral, o setor da linha passou um pouco de trabalho, mas se adaptou bem e o destaque do setor vai pra Bryan Bulaga, que não é um dos “grandes” Tackles da liga, mas que vem mostrando uma excelente mentalidade e vem melhorando muito nas suas últimas temporadas. Terminou o jogo com 2 pancakes lindos, um deles brutal, jogando o defensive end como se fosse nada no chão.

Defesa

Chegamos a um setor que nos foi problema temporada passada, e na passada e vem deixando os torcedores com medo em cada jogo. Começando pela linha defensiva, sem sombra de dúvidas, Mike Daniels é o nosso melhor DL. É um monstrinho ambulante. Onde foram parar os haters de Dean Lowry? Boa partida do nosso DE que mostrou fome por jogo pra essa temporada. Kenny Clark, fazendo valer sua pick de round 1. Vejo uma linha defensiva bem física, dando trabalho para a linha ofensiva adversária e ganhando cada vez mais força. E se falamos em ganhar força, não podemos deixar de falar de nossos insides linebackers. Jake Ryan, Blake Martinez e Joe Thomas vem demonstrando maturidade e podem nos deixar esperançosos para a posição. Tivemos também uma atuação curta de Clay Matthews III e Nick Perry, nossos principais Edge Rushers hoje.

A secundária mostrou frutos, teve algumas falhas, principalmente em cima de Quinten Rollins e Morgan Burnett, que se perderam em algumas marcações. No mais, a secundária está bem, Kevin King apareceu bem, deu tackles firmes, Josh Jones foi bem, precisa evoluir ainda mas mostra potencial. Haha Clinton-dix bem nas leituras. Acredito que falte agressividade na disputa de bola no ar, para os nossos defensive backs. Em geral o problema maior da defesa no jogo, como na temporada passada foram os tackles perdidos (escória do futebol americano).

Se você olhou o jogo, e viu muitos defeitos, e está assustado com as atuações, Calma, não criemos pânico. É a semana 1 da pré-temporada. O playbook é montado exatamente pra mostrar falhas/talentos individuais. Para a comissão analisar quais jogadores tem as qualidades necessárias para seguirem no time durante a temporada. Não se desespere. O jogo que realmente importa começa contra o Seahawks, na semana 1 da temporada regular.