Site não-oficial do Green Bay Packers no Brasil!

Olá pessoal!!

Bom, como o próprio nome da matéria diz, vou conta para vocês um pouco das minha experiência no Lambeau Field. Antes de mais nada vou me apresentar :

Meu nome é Thiago Siervo Camargo Neves, conhecido como Siervo pela equipe do Cheeseheads Brasil, tenho 29 anos e torcedor do Green Bay Packers. Me tornei torcedor do Packers em 2007, logo após ao Super Bowl XLI, entre Colts e Bears, que o time de Indianapolis levou a melhor. Depois de pesquisar muito nos sites dos  times, escolhi Green Bay, pois fiquei impressionado e maravilhado com a rica história desta franquia que existe há quase um século.

Bom, onde que surgiu a ideia de ir até aquela cidadezinha de 103,000 habitantes?

Minha mãe sempre teve o sonho de passar o Natal e Ano Novo nos Estados Unidos. E ela queria um lugar frio. Com isso, associei a ida a Chicago, Illinois, pela proximidade Green Bay, Wisconsin. A partir disso que a viagem começou a ficar interessante. Como começamos a programar a viagem no começo do ano, a schedule (calendário de jogos da temporada) ainda não tinha saído, então tive que esperar (digamos que um tanto quanto ansioso). Eis que dia 23/04/2014 o calendário saiu. Acabei escolhendo um jogo de divisão, semana 17 da temporada regular – Detroit Lions @ Green Bay Packers, valendo o título da divisão.

Comecei a procurar hotel para o final de semana do jogo, e para minha não surpresa, todos quase lotados e caros. Mas pelo Green Bay Packers todo esforço vale a pena.

Chegando em Chicago, já sentia a “hostilidade” local, quando passeava para lá e para cá, com minha jaqueta, boné e luvas do Packers. Mas enquanto caminhava pelas ruas sempre havia um cheesehead que passava por mim,  ou mesmo dentro de um restaurante,  falando ou gritando “GOPackGO!!!!!”

Até que o grande dia finalmente chegou.  Sábado 27/12/2014, um dia antes do jogo, alugamos um  carro e rumamos sentido Wisconsin. Eu já estava todo eufórico, feliz da vida e nunca acordei tão emocionado.

Passamos pelas highways de Chicago e subindo já era possível avistar placas sinalizando o caminho de Milwaukee.  Ao entrar no estado de Wisconsin, se percebe a diferença nas casas. Todas com alguma alusão ao Packers. Demorei aproximadamente 2:30 hrs para ver a primeira placa que dizia Green Bay e foi emocionante.

Estava dirigindo, e senti meu corpo adormecer, sensação de estar realizando um sonho de criança, um monento indescritível. O tempo estava feio, bem nublado, frio (-15ºC) e chuva. Mas eu não estava nem aí para o frio. Chegando perto da cidade, mas ainda na estrada, chorei sozinho e silenciosamente, para que minha família não percebesse. Decidi que mesmo com chuva e frio, iria direto para o Lambeu Field.  Ao redirecionar o GPS, passei na frente do centro de treinamento Don Hudson Center. Mesmo com todo o frio, precisava tirar uma foto na portaria do centro de treinamento.

Cheguei !

Ao ver de longe o Lambeu Field, chorei… Dessa vez, todos perceberam e viram o quanto aquilo era importante para mim. Parei o carro na frente da grande escadaria, quase em frente ao Atrium: “O que é isso, meu Deus, eu cheguei” pensei. Ao descer do carro, andava em direção à escadaria lentamente, tentando entender o que eu estava fazendo ali. Impressionado como um sonho pode levar as pessoas tão longe!

Sentimento monstruoso, inenarrável e indescritível …

Entrei no Atrium, curtindo cada passo, me sentindo o Neil Armstrong pisando na lua. Naquele momento, eu com certeza era o cara mais feliz do universo. Fui direto para a bilheteria (totem) onde comprava o ticket para o Lambeau Tour, mas pelo horário, só tinha o tour mais básico aquele dia. Comprei quatro ingressos (10 doláres cada) para iniciar o tour as 5:30pm. Enquanto isso eu ainda tinha três horas sobrando para conhecer o atrium e fazer umas compras na Packers Pro Shop.

Bom, logo que entrei no Atrium fiquei paralisado, tentando acreditar no que tinha acabado de acontecer.

É amigos, estava no Lambeau Field!!!!

Parecia uma criança. Olhava para todos os lados e não conseguia acreditar. Parecia um sonho, queria fazer tudo de uma vez, um turbilhão de sentimentos alegres. Eu não queria que o tempo passasse. Poderia ficar ali para sempre.

“WOW, this is Lambeau!”

Vi, revi, chorei, falei, imaginei, pensei, fiz tudo que um fã faria. Posso afirmar com toda certeza que aproveitei cada segundo.

Vi o Hall of Fame com as camisas aposentadas de:

#14 Don Hutson(Split End [WR]/safety/kicker),

#3 Tony Canadeo (Back),

#15 Bart Star (QB),

#66 Ray Nitschke (LB),

#92 Reggie White (DL)

*Hoje ainda tem #4 Brett Favre (QB)

Entrando na loja oficial de produtos do Packers simplesmente enlouqueci. Queria comprar tudo que eu via pela frente. Como o dinheiro era curto usei ele para uma jersey. Lá a Camisa pode ser feita do jeito que você quiser. E  conversando com a senhora que me atendeu, ela me indicou fazer a jersey com essas numerações, porque eu queria os 3 principais quarterbacks da nossa história inseridos na jersey. Com isso sou um dos poucos cheesesheads no mundo com uma camisa assim. Segundo o livro de registros da loja, só foram feitas 3 camisas dessas na historia da loja. (front #15 Starr, back #4 Favre, shoulders #12 Rodgers)

Durante o tour, me dei conta que estava no mesmo lugar, onde passaram:

  • Vince Lombardi
  • Bart Star
  • Brett Favre
  • Greg Jennings
  • Charles Woodson
  • Clay Mathews
  • Ray Nitschke
  • Donald Driver
  • Mike McCarthy
  • Reggie White
  • Mike Holmgren
  • Aaron Rodgers 
  • B J Raji
  • Jordy Nelson

Eis que me dei conta, estamos no subsolo, na frente do vestiário, vamos ter que ir para algum lugar para voltar, o guia diz, vamos todos por aqui, estamos no corredor, com uma porta de metal fechada, ele aperta um botão e……

Eu começo a chorar que nem criança, mas muito, fico extasiado, sem reação, aquela porta além de dar acesso ao campo, inicia-se um som, como se fosse dia de jogo, a torcida gritando, e vibrando quando o packers é anunciado a entrar em campo… São 3 minutos de, desculpe não sei o que descrever com palavras. Daí para frente, apenas fotos conseguem mostrar…

[Best_Wordpress_Gallery id=”2″ gal_title=”Inside Lambeau Siervo”]

  • Mateus Carvalho

    Excelente matéria Thiago, parabéns!
    Também já fui em Green Bay e tirei foto no Atrium, mas não fiz o Tour, pq chegamos NO DIA do Super Bowl XLV, logo só fomos na loja, compramos Jerseys e fomos para o bar assistir ao jogo! Imagine a emoção de ver GB ser campeão, em Green Bay!

  • Wilma

    Querido afilhado!!! Seu sonho realizado, sua emoção e narrativa, foram muito fortes e me emocionei juntamente com vc qdo li cada momento de sua realização…Quero desejar a vc toda a felicidade do mundo, meu querido… e que possa realizar muitos outros sonhos…um beijo enorme no seu coração!!! Continue sempre com esse entusiasmo e força de vontade…bjkas

  • Jonathan de Oliveira

    Cara, incrível, me senti dento do Lambeau, parabéns!!! Espero um dia ter a mesma experiência que ti!!!

  • Lisandro Rigoli

    Great narration of a unique experience! I was there last October and this post makes me cry again remembering what I lived at Lambeau. Every packer fan deserve this moment.
    Gameday is also an awesome experience.
    If someone needs helps to arrange a visit to Green Bay, please let me know!