Edmar acompanha o Packers desde o século passado e é interessado por tudo que envolve essa franquia quase centenária. Fã assumido de Ted Thompson, tenta provar que não é apenas mais um lover...

TT Lovers e TT Haters! Hoje eu queria compartilhar com vocês o meu Guia do Draft 2017. Como alguns de vocês já sabem, nós da equipe Cheeseheads.BR faremos uma live das duas primeiras rodadas do Draft, começando na quinta e sexta feira a partir das 21:00 horário de Brasília. Como participante eu quero muito mesmo convidar todos vocês para acompanhar a nossa cobertura. Por isso escrevo este texto bem informal sobre algumas observações que fiz durante a minha semana de pesquisa. Queria compartilhar também o meu “Big Board” que é exatamente o material que vou usar como base para comentar as primeiras rodadas durante a nossa transmissão. Em suma, é um material bem interessante que eu queria compartilhar com vocês para que todo mundo consiga acompanhar o Draft com o maior número de informações possíveis.

DRAFT BOARD TOP 100 CBS

DRAFT BOARD TOP 200 Draft Analyst

DRAFT BOARD e TEAM NEEDS

Sem mais delongas aqui vão algumas observações.

Big Board – Faz muitos anos que eu utilizo o mesmo canal de informações para o Draft, é o canal do Tony Pauline, um analista de Draft que na minha opinião é o melhor do mercado. O site dele é o “draftanalyst.com” e vale a visita. Outro canal que eu gosto muito de utilizar é o portal da transmissora CBS (http://www.cbssports.com/nfl/draft/). Eu analisei os dois quadros de jogadores e só com essas informações é possível ter uma boa ideia de como as primeiras rodadas devem se desenhar, aqui vão alguns pontos:

  • Top 10 – É nítido que o Top 10 do Draft deve ser bem previsível. A única variação entre as duas listas é a presença do cornerback Sidney Jones de Washington que se lesionou seriamente durante o seu “pro-day” e que deve cair bastante graças a isso, Tony Pauline acredita que o talento ainda está lá e que um time que se der o luxo de escolhe-lo, pode ter um grande valor a partir da 3ª rodada.

    Mitch Trubisky deve ser o primeiro quarterback selecionado
  • Quarterbacks – Mitch Trubisky e Pat Mahomes devem ser os dois primeiros quarterbacks escolhidos e ainda no primeiro dia. O Cleveland Browns tem duas escolhas na primeira rodada e não me surpreenderia se a segunda escolha (12ª total) trouxesse mais um lançador para Cleveland. Fora eles, San Francisco 49ers, Houston Texans e NY Jets prometem ser agressivos na busca por um quarterback. 49ers e Jets escolhem muito cedo na primeira rodada, e qualquer quarterback ali seria um erro, o ideal seria esperar e ver quem sobra na segunda rodada, jogadores como DeShaun Watson, Davis Webb e DeShonte Kizer devem estar disponíveis até o meio da segunda rodada e seriam excelentes opções. As grandes incertezas ficam a cargo dos Texans que podem querer subir no quadro para garantir alguém que lhes agrade muito.
  • Trocas – Ainda um pouco relacionado ao tópico acima, as escolhas N°3 (Bears) e N°6 (Jets) se desenham como possíveis pontos de troca para quem quiser entrar no Top 10.
  • Tight Ends – David Njoku deve ser o primeiro a sair em sua posição, e existe uma pequena chance de ele sair ainda no primeiro dia. Times que tiverem necessidade de tighends podem se dar ao luxo de esperar até o final da segunda rodada, ali a grande maioria dos nomes devem ser chamados. Jake Butt se encaixaria na nossa escolha de terceira rodada, caso Ted resolva atacar mais uma vez por ali. Acho muito difícil de acontecer, e por isso acredito que a nossa escolha de terceira rodada é a mais provável de virar moeda de troca, caso não existam boas opções disponíveis.
  • Wide Recievers – Pouco se fala, mas é possível que Ted queira continuar renovando nosso grupo de recebedores. Algumas opções interessantes seriam Carlos Henderson (segunda rodada) e Taywan Taylor (terceira rodada). Este último é talvez o mais provável dos dois, pois como dito acima, podemos ter um cenário de “poucas opções” na nossa escolha de terceira rodada.
  • Running Backs – Christian McCaffrey não deve passar da 20ª escolha. Existe um rumor de que McCaffrey recebeu garantias de um time escolhendo nos “Teens” (entre a 13ª e 19ª escolhas), e inclusive este seria o motivo dele ter cancelado visitas e workouts que já estavam agendados.
Lamp deve ter seu nome chamado ainda no primeiro dia
  • Linha Ofensiva – Forrest Lamp deve sair na primeira rodada e deve estar disponível sim na nossa escolha, mas mesmo assim, é difícil que vá parar em Green Bay. Fora ele, jogadores que devem sair na primeira rodada são Garett Bolles, Ryan Ramczyk e Cam Robinson. Outros nomes na bolha são Dan Feeny e Dorian Johnson. Nada muito excepcional aqui, exceto que algumas pessoas não acreditam que muitos deles devem sair cedo. Eu não compartilho dessa ideia, acredito que teremos duas “levas” de gordinhos saindo no draft, e a primeira deve ocorrer logo entre as escolhas 7 e 15. Times como Chargers, Panthers, Bengals e Colts devem se digladiar pela melhor opção disponível. Tudo depende da escolha dos Jaguars na 4ª posição, creio que até 5 bloqueadores podem sair no dia 1.
  • Defensive Tackle – Pouco a se falar aqui, bons nomes em todos os níveis do Draft. É um excelente ano para adicionar “depth” no elenco. Uma possibilidade, apesar de remota, é a de Chris Wormley ser uma das duas primeiras escolhas (sim, primeira rodada incluída) de Ted Thompson. Seria uma escolha bem frustrante devido as necessidades do time em outras áreas, mas não deixamos de ter um excelente jogador no elenco, Wormley se encaixa perfeitamente em um time 3-4. Outra possibilidade na posição é Malik McDowell, os dois jogadores estão na “bolha” entre o primeiro e segundo dia. Tanoh Kpassagnon é um nome a se pensar para a terceira rodada.
TJ Watt tenta se esgueirar na primeira rodada
  • Outside Linebacker – Finalmente chegando aonde interessa!! Aqui vai a minha maior crença para o primeiro dia: T.J. Watt deve sim estar disponível quando estivermos no relógio. Mas não deve ser a nossa escolha, nem a de ninguém no primeiro dia. Existe uma preocupação dele jogar como defensive end na NFL e por isso os times com defesas 4-3 devem passar batido. Mas não se enganem, o interesse nele é grande, muito grande. Minha expectativa é que ele não passe da 10ª escolha da segunda rodada. Além de Green Bay, Baltimore Ravens, New England Patriots e Pittsburgh Steelers tem grande interesse no irmão de J.J.. Segundo informações do Tony Pauline, os Steelers inclusive disseram que não arriscariam uma escolha de primeira rodada, mas que fariam o possível para ter T.J. Watt no time. Ou seja, devemos ter uma verdadeira corrida maluca por ele no segundo dia. Neste cenário os Ravens saem na frente por terem a 16ª escolha, já os Patriots teriam que comprometer o futuro da franquia para conseguir ter uma chance de ter o jogador no time (a primeira escolha de Bill Bellichick é apenas de N°72, na terceira rodada). Ou seja, o valor de uma troca por TJ Watt na segunda rodada pode sair mais caro que uma escolha de primeira rodada pelo mesmo jogador. Outros nomes interessantes e possíveis de serem nossas primeiras escolhas são Takk McKinley (óbvio) e Taco Charlton, Tim Williams vem caindo nas avaliações e pode estar disponível na segunda rodada equanto Derek Rivers pode ser um super “steal” caso caia até a nossa escolha de terceira rodada, apesar de ser muito improvável que caia até lá.
  • Cornerback – Tre’Davious White é o nome mais relacionado aos Packers para a primeira rodada. Apesar de não ser um dos meus defensores favoritos é uma escolha que faz sentido pela similaridade de jogo com Sam Shields. White é um dos maiores “projetos” desse ano, e é possivelmente o melhor encaixe para a necessidade de substituir Sam Shields diretamente. Caso Ted queira outros nomes na segunda rodada surgem duas grandes possibilidades, Quincy Wilson e Cordrea Tankersley. O último é meu favorito entre os dois, mas existem algumas preocupações com o fato dele não ter traduzido seu tamanho em resultados no Combine. Por isso, creio que seja mais provável que Quincy Wilson seja a nossa escolha na segunda rodada caso disponível. Grandes nomes como Gareon Conley, Marlon Humpfrey, Kevin King e Chidobe Awuzie devem sair antes da 29ª escolha.

Algumas observações finais:

– Dallas Cowboys, Kansas City Chiefs e Oakland Raiders são nossos maiores “rivais” na busca por defensive backs enquanto Pittsburgh Steelers, Baltimore Ravens e Miami Dolphins são nossos competidores por “pass rushers”. A “corrida das trocas” devem ocorrer para quem consegue ficar na frente da 22ª escolha de cada rodada (Dolphins) ou até subir à frente da 16ª escolha (Ravens).

– Para que jogadores das nossas posições carentes possam cair, acredito que a nossa torcida deva ser para que o maior número de ofensive tackles e quarterbacks subam no draft. São poucas boas opções para estas posições o que pode fazer com que alguns jogadores sejam supervalorizados (principalmente os quarterbacks). Os Seattle Seahawks estarão na briga por um jogador de linha ofensiva, e como rival de conferência quanto mais jogadores de linha ofensiva saírem antes da escolha deles melhor. Um detalhe sobre os Seahawks é que eles estão aficionados em Cam Robinson, Forrest Lamp também deve passar pela cabeça de John Schneider.

É isso galera! Espero ter ajudado ou esclarecido alguma coisa para vocês. Um grande abraço e nos vemos na quinta!